Assentamento Maanaim recebe a Asped

Atualizado: 30 de set. de 2021

Assentamento sem-teto situado na cidade de Uberlândia recebeu doações de cestas básicas e hortifrutis pela Asped


Cadastro da Asped de famílias do Assentamento Maanaim

Localizado no anel viário, na saída para a cidade do Prata está o Assentamento sem-teto Maanaim. Na última sexta-feira, 24 de setembro de 2021, a Asped se mobilizou para realizar mais entregas de doações de cestas básicas e hortifrutis para famílias que vivem em situação de vulnerabilidade social.


Foram atendidas nesse trabalho de campo diversas famílias, totalizando cerca de 140 pessoas beneficiadas diretamente com esta ação. Foram distribuídas cestas básicas completas e cerca de 70 Kg de hortifruti (legumes).


A arrecadação de cestas básicas foi um trabalho desenvolvido pela 8ª Igreja Presbiteriana de Uberlândia, Sesc Mesa Brasil e Juntos por Uberlândia, e os legumes doados exclusivamente pelo Sesc Mesa Brasil.


Os assentamentos não são uma realidade apenas do Brasil

Esses ideais de lutas por terras é histórico, já que as primeiras reivindicações surgiram no mundo durante o período da Revolução Inglesa no século XVII pelos diggers na Inglaterra em que defendiam a distribuição de terras à agricultores.


Com o passar dos anos essa luta tornou-se presente também em países como Estados Unidos, Japão, Egito, México, Bolívia, Itália, Argélia, Chile e outros. No Brasil o movimento começou na década de 70 durante o período da Ditadura Militar.


A situação dos assentamentos em Uberlândia

Segundo o último dado divulgado no ano de 2017 pela CPT (Comissão Pastoral da Terra) e a Polícia Militar, Uberlândia tinha cerca de 16 ocupações em áreas urbanas da cidade e 60 assentamentos. Com estes números Uberlândia assume o ranking nacional como a cidade com a maior ocupação urbana do Brasil.


Bairro Elisson Prieto, antigo assentamento Glória

Todo esse movimento iniciou na cidade entre as décadas de 80 e 90 e tem crescido devido ao aumento do número de famílias carentes e à migração de pessoas de outros estados, povos indígenas e imigrantes.


Há alguns assentamentos em Uberlândia que já são reconhecidos e regularizados pela prefeitura como bairros da cidade, recebendo o saneamento básico de direito como água, esgoto, coleta de lixo e energia elétrica. Alguns exemplos são: São Jorge, Joana D´Arc, Dom Almir, Elisson Prieto e Celebridade.


O Assentamento Maanaim, visitado pela Asped ainda não é um espaço reconhecido e é identificado ainda como uma ocupação irregular.


A entrega de doações no Assentamento Maanaim


A Asped tem buscado atender famílias que estão em situação de risco ou em vulnerabilidade social e por essa razão assentamentos como o Maanaim estão no radar do atendimento social da instituição.

Fila de pessoas para receber as doações

A maioria dos residentes são pessoas que estão fora do mercado de trabalho e sobrevivem com pequenos trabalhos autônomos como de pedreiro, diarista e reciclagem. A renda não é suficiente para o sustento da família e por isso as doações são tão importantes para a sobrevivência dessas pessoas.




A maioria das casas são construídas com madeiras, lonas e materiais improvisados. Outros já conseguem levantar suas casas com tijolos, mas sem acabamento. Parte dos moradores são idosos, mães solteiras, crianças e pessoas com invalidez.

Cáritas, assistente social da Asped com uma das crianças do Maanaim

O assentamento possui cerca de 40 crianças. É um lugar simples, mas de muita gente de bem e feliz. "É maravilhoso ver o sorriso de uma criança quando chegamos nesses lugares. Elas se sentem valorizadas, lembradas e percebem no olhar o carinho que fomos levar à sua comunidade", afirma Cáritas Mendonça, assistente social da Asped.


Além das doações, a Asped fez atendimento com orientações sociais e um momento de gratidão a Deus com todos os beneficiados nessa visita.


A Asped acessível a todos

A Asped acredita que o direito constitucional registrado no artigo 6º da Constituição brasileira que fala que são direitos sociais: a educação, a saúde, a alimentação, o trabalho, a moradia, o lazer, a segurança, a previdência social, a proteção à maternidade e à infância e a assistência aos desamparados, nem sempre é usufruido por muitas pessoas. Por essa razão, a Asped se posiciona como parte da solução em levar parte dessa dignidade às famílias que conseguir alcançar.

Time da Asped em ação nesta visita

Se você tem interesse em fazer parte desta grande família da Asped e fazer a diferença na vida de alguém, procure-nos. Sua ajuda será bem-vinda e você estará entrando para um grande time de pessoas que querem fazer a diferença na vida de outros. Você pode ajudar de várias formas como doando alimentos, doando uma oferta financeira destinada à compra de alimentos, com seu trabalho voluntário na busca das arrecadações e nas entregas nessas visitas de campo, firmando parcerias e tantas outras formas.


Venha ser um com a gente!



98 visualizações0 comentário